quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Traficante do Turano e ex-PM condenados

O juiz Marcelo Alberto Chaves Villas, titular da Vara Criminal de Itaboraí, condenou a 32 anos e seis meses de prisão José Ricardo outo e Silva, o Ricardo Paiol, chefe do tráfico de drogas do Morro do Turano, no Rio, e de favelas do Município de Itaboraí. Além do crime de tráfico de entorpecentes, Paiol também foi condenado pelos crimes de associação para o tráfico, falsificação de documento público e posse e porte ilegal de arma de fogo.

No mesmo processo, também foram condenados sete integrantes da quadrilha, entre eles, o ex-policial militar Ricardo Galdino da Silva, que fazia a segurança de Ricardo Paiol. Para o juiz Marcelo Villas, a descrição dos fatos criminosos atribuídos aos réus na denúncia do Ministério Público estadual foi feita de forma detalhada com a exposição de todas as suas circunstâncias elementares.

Ele disse ainda que os réus são inteiramente capazes de entender o caráter ilícito dos fatos que ora lhes são imputados. “Donde se vislumbra a exigibilidade de condutas diversas de acordo com as normas proibitivas implicitamente previstas nos tipos por eles praticados, não existindo qualquer causa de exclusão de antijuridicidade ou de culpabilidade aplicável ao caso vertente”, destacou o magistrado.

Fornecedor de munição do CV
Ao fixar a pena de Ricardo Paiol, o juiz ressaltou que “o acusado possui personalidade distorcida e voltada para a prática de crimes, sendo um indivíduo de alta periculosidade, que responde a processos por delitos equiparados a crimes hediondos e crimes contra a vida, além de ser um grande fornecedor de munições de uso restrito para traficantes da facção criminosa Comando Vermelho, a qual ele está associado de forma permanente e estável”.

Ricardo Paiol e o ex-policial militar Ricardo Galdino foram presos por agentes federais no dia 26 de janeiro de 2009, em Copacabana, Zona Sul do Rio. O PM foi preso em flagrante por associação para o tráfico de drogas, em razão da segurança que prestava ao traficante e em função de todos os elementos de prova contra ele colhidos durante a investigação.

Nº do processo: 2008.023.022400-8

* Do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro

Um comentário:

  1. claudio ferraz é um herói, um homem honrado e um excelente policial. É óbvio que ele está sendo vitima dessas dessas denuncias falsas ou possivelmente forjadas pela banda podre da pcerj. Está muito claro que o ex chefe da pcerj é um dos lideres da banda podre e covarde da polícia. Pq não admite como homem ex chefe da pcerj? Para matar, extorquir, vender armas a milicianos e fazer parte desses grupos vc é homem né, sei.. a sorte desses criminosos, é que a lei os protege, a nossa atual CRFB/88 em alnguns pontos está defasada[ em descompasso com os fatos e valores sociais vigentes], ela foi promulgada num período pós ditadura, em que o Estado violava os direitos e garantias fundamentais dos cidadãos. O tempo passou, e a realidade é outra, os bandidos do alto, médio e baixo escalão utlizam a atual CRFB/88 como escudo para pratica de crimes, e pior, crimes bárbaros. Alo congresso nacional, vamos trabalhar de acordo com a vontade legitima do povo, está mais que na hora de manifestarem o poder contituinte originário e promulgarem uma nova CRFB, instituindo a pena de morte no nosso ordenamento jurídico em tempo de paz e não somente em caso de guerra declarada. Esse argumento de que inocentes morreriam não convence, pois temos o devido processo legal, teriamos de fortalecer o judiciário, em fim seria o melhor para todos. Mas o pessoal de Brasília não é bobo, eles estariam assinando a própria sentença de morte rsrs, eles utilizam o argumento da dignidade da pessoa humana para combater a tese da pena de morte rsrs piada isso né. Enquanto o ordenamento jurídico não mudar por inércia e incompetencia do legislativo, o Executivo e o judiciário tem de fechar pacto junto ao MP. {Bandido bom é bandido morto, policial que mata bandido é herói} alo rede globo vamos idolatrar nossos bons policiais e parar de ficar divulgando esses big brother, novelas[ entreternimento que só faz mal à sociedade,pois as pessoas não estudam, não praticam esportes, não leem,... e ficam cada vez mais ignorantes] principalmente as crianças. E parem de render homenagem para ator global drogado de merda. Ator tal na praia com mulher tal... para de ficar publicando essa merda, vms enaltecer nossos heróis[ aqueles policiais e bombeiros] que trabalham para sociedade. Viva o delegado Claudio Ferraz[Draco], Viva o Coronel Paulo Henrique Ex comandante do Bope, atualmente lotado no 12 batlhão[niterói] Viva os caveiras do bem " O diabo manda, o Bope devolve". Um grande abraço ao secretário Mariano Beltrame, o melhor de todos os tempo, verdadeiro herói nacional, que venha para ser nosso governador depois do Cabral.

    ResponderExcluir