quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Disque-Denúncia oferece R$ 3 mil por Matemático


Texto do Disque-Denúncia:

O Disque-Denúncia está oferecendo uma recompensa de R$ 3 mil para quem der informações que ajudem a polícia a localizar e prender o traficante Márcio José Sabino Pereira, conhecido como Matemático, de 34 anos.

O criminoso seria responsável por chefiar o tráfico de drogas nas favelas Vila Aliança, Rebu, Coréia, Acari, Amarelinho, Taquaral e Sapo, todas nas zonas Oeste e Norte do Rio. A Justiça concedeu ao criminoso, em abril, o benefício de trabalho extra-muro, que é o direito do preso sair para trabalhar durante o dia, e retornar à noite para a casa de detenção, porém, isso não aconteceu.

A polícia do Rio está à procura de Matemático. Quem souber informações que possam ajudar a polícia na prisão do foragido, ligue para (21) 2253-1177, o anonimato é garantido.

5 comentários:

  1. 3 Mil, o disque denúncia só pode estar de sacanagem, rsrss. O tráfico de drogas movimentas milhões e os caras oferecem 3 Mil.

    ResponderExcluir
  2. hhzhahahaha gostei essa policia nao tem remedio mmo vai na favela com 150 policias e so prendem a irma de um traficante ja morto hahaha as vezes passo perto da coreia na entrada ja vejo bandido pa caralho e a policia fica dando esmola essas operacoes os banddidos ja sabem quando eles fazem pm pc e tudo filho da puta mmo e a bope vai pelo mmo caminho a bope e so fama na hora de troca tiro com os bandidos k nada

    ResponderExcluir
  3. A policia não tem inteligência. Sempre que ocorre uma operação aonde não tem troca de tiros eles ficam perdidos e fazem merda. Ele prenderam a irmã do aranha só pra mostrar para a TV Record que a operação não tinha sido um fracasso. E sem falar na vez em que um soldado do BOPE foi morto num assalto na Tijuca, eles procuravam um bandido que já estava preso desde da Janeiro, rsrsrs. Quando a reporter do RJTV, perguntou ao comandante porque eles eles já tinham matado 6 pessoas, ele não soube responder.

    ResponderExcluir
  4. FODA-SE O RJTV FODA-SE ESSES JORNALISTAS VICIADOS E DEFENSORES DE VAGABUNDOS

    ResponderExcluir