terça-feira, 18 de agosto de 2009

Projeto de lei contra 'saidinha de banco' dificilmente vai acabar com o crime

O vereador Fernando Moraes (foto), outrora delegado de Polícia Civil (esse mesmo, que deu uns pegas na Luma de Oliveira), é autor de um projeto de lei que pretende reduzir a incidência dos roubos apelidados de 'saidinha de banco'.

O projeto nº 56/09 prevê atendimento reservado para clientes das agências bancárias do Rio. O local (caixa) deve ainda ficar visualmente isolado dos demais caixas. E o vereador justifica:

"Devido ao crescente número de assaltos, após a realização de movimentação financeira, na saída das Agencias Bancárias e/ou Postos de Atendimento, isto nos leva a crer que, possivelmente, entre as pessoas que aguardam para serem atendidas há quem esteja observando o movimento dos clientes e repasse informações a assaltantes. Um anteparo ou a colocação estratégica dos caixas, de modo que haja um isolamento restringindo a visibilidade, trará mais segurança aos clientes desses locais e evitará constrangimento aos mesmos nos momentos de conferencia de valores sacados nos caixas".

Problemas difíceis de resolver
Fernando Moraes tem razão. Mas em parte. Isso porque o próprio isolamento do cliente já faz o assaltante supor que aquela pessoa está com uma grande quantia em dinheiro. Essa história de visualmente isolado também é bastante relativa, já que depende da estrutura física das agências. Assim, quem sair da parte isolada passa a ser suspeito automaticamente.

Outra coisa: sabe-se que em muitos casos de 'saidinhas de banco', a participação de funcionários é praticamente certa. Assim, o projeto de lei em nada ajuda quem é vítima desse tipo de crime.

3 comentários:

  1. Marcelo, permita-me discordar totalmente de você!!!
    Primeiro, porque os casos em que existe a participação de um funcionário do banco são mínimos, variando entre 4 a 7% dos casos. A grande maioria, mais de 90%, são "olheiros" que ficam no interior das agências observando e informando para comparsas do lado de fora das agências que abordam as vítimas sabendo exatamente quanto tem e em que bolso ou bolsa está o dinheiro. Concordo com o projeto de lei e digo que é um dos mais inteligentes que eu já vi. Tenho pesquisado muito a respeito e verifico muitos projetos idiotas, como instalação de câmeras do lado externo dos bancos ou bloqueio de celulares dentro das agências. A lógica desse projeto é simples: em um banco diariamente passam milhares de pessoas, muitas somente para pagar contas. Se o "olheiro" não sabe o que cada uma delas está fazendo no caixa, não saberá quem está saindo com o dinheiro. Eles não abordarão todas as pessoas ou aleatoriamente. O assalto é feito na pessoa certa. Se não se sabe quem tem dinheiro, o esquema perde o sentido. O correto é exatamente isso! Bloquear visualmente o atendimento de todos os caixas, para que quem está aguardando ser atendido não veja o que acontece com quem está no caixa...
    Belo projeto!!!... parabéns ao vereador!!.. Deveria ser uma Lei estadual... ou melhor, federal!!...

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pela opinião, caro leitor. Gostaria de saber apenas de onde saiu este índice de participação de funcionários neste tipo de crime. Independentemente da fonte, imagino que trate-se apenas de casos comprovados da participação deles. Penso que a lei deveria ser muito mais dura com os bancos, pois se há um olheiro observando a movimentação dos clientes dentro da agência, os bancos deveriam ser responsabilizados, uma vez que todos eles possuem setor de segurança e são equipados com câmeras e vigilantes. Não é possível que um olheiro não chame a atenção dentro de uma agência.
    Embora não acredite no sucesso absoluto do projeto, torço para que dê certo.

    ResponderExcluir
  3. bom dia eu acho que vc ta serto em algumas parte mas a saidinha de banco só vai acaba se tive segurança colocando biongos e pessoas qualificadas. na area da segurança os ladroes estaõ na maioria da vez de moto que e´facil para se locomove armas são camufladas nos bancos da motocicleta nas lanternas os policia tem que ta atenta nesses marginais envestigadores tem que ta obeservando esses ladroes mas não atras de dinheiro combate ao crime de saidinha de banco até quando vamos ver pessoas moreno no nosso brasil por causa de 5 mil 2 mil ate´ quando obrigado pela atenção

    ResponderExcluir