sábado, 8 de agosto de 2009

Oficiais da Marinha são acusados de roubar 1.400 pneus da Capitania no Paraná

Dois capitães-de-mar-e-guerra da Marinha foram denunciados pelo Ministério Público Militar acusados do desvio de 1.400 pneus da Capitania dos Portos, em Paranaguá (PR).

Os pneus foram doados pela Receita Federal em meados de 2005. Foram 1.543 e os oficiais teriam subtraído 1.400. Os dois ocupavam as funções de capitão dos portos e imediato, respectivamente.

As provas colhidas indicam que cerca de 450 pneus foram entregues, como parte do pagamento por serviços mecânicos prestados, a uma empresa de auto peças e perto de 900 pneus foram vendidos a um civil, dono de transportadora, por R$15.000,00, em dinheiro e sem recibo.

O material pertencia à União Federal e que estava sob Administração Militar. Diante desses fatos, a Procuradoria de Justiça Militar em Curitiba ofereceu denúncia contra os acusados pelo crime de peculato, previsto no artigo 303 do Código Penal Militar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário