quinta-feira, 4 de junho de 2009

Grana apreendida com suspeito dividida entre PMs

Quatro policiais militares do 22º BPM (Complexo da Maré) serão submetidos a Conselho de Disciplina (que pode expulsá-los da corporação) acusados de repartir um dinheiro que fora apreendido com um suspeito que fora abordado por eles na avenida Dom Hélder Câmara. O fato ocorreu em 29 de outubro.

Segundo relatório da investigação, o suspeito fora detido com R$ 1.600 em espécie, um chip de telefone celular e um cartão Riocard. Este mesmo homem relatou que os PMs ficaram com seu dinheiro e a Corregedoria da corporação foi até o batalhão checar. No local, verificou que um dos suspeitos estava com R$ 405,75, o outro com R$ 440,60, o terceiro com R$ 427,15 e o quarto, com R$ 344,40.

A soma do dinheiro deu R$ 1.787,90. Entretanto, o suspeito afirmou aos fiscais que carregava uma nota de R$ 100 e 30 de R$ 50 (que somadas, dá R$ 1.600), quantidade igual de cédulas encontradas com os PMs, que acabaram autuados em flagrante. Eles já tiveram o porte de arma revogado e a carteira de identidade da corporação acautelada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário